Ligamos para Você
Nossa politica de privacidade e cookies Nosso site utiliza cookies para melhorar a sua experiência na navegação.
Você pode alterar suas configurações de cookies através do seu navegador.
Alto Padrão BC
Alto Padrão BC
Telefones para Contato

Alta tecnologia atrelado à segurança patrimonial

Alta tecnologia atrelado à segurança patrimonial
Publicado em 23/Mar/2020
Sem Categoria

De início é preciso entender ao certo o que é a segurança patrimonial, pois muita gente ainda confunde os termos usados nesta área e ficam com dúvidas.

De modo geral, a segurança patrimonial nada mais é do que a parte da segurança que por meio de uma equipe administrativa, controle de acesso, vigilância, prevenção e outros, busca manter e garantir a qualidade física das pessoas e a integridade do patrimônio de uma organização.

Este tipo de segurança vem com o objetivo de proteger todos os bens de interesse da empresa, referente aos recursos financeiros existentes, a seu patrimônio físico e também intelectual.

 

A segurança patrimonial é uma atividade estratégica, pois a perda de bens patrimoniais pode prejudicar ou impedir a empresa de atingir futuros objetivos estratégicos.

 

Nesta questão de bens patrimoniais, se enquadram os bens tangíveis e intangíveis. Os bens tangíveis são os bens e valores que existem fisicamente na empresa, como por exemplos suas instalações, móveis, equipamentos eletrônicos, veículos, estoque, além dos funcionários e colaboradores.

Já os bens intangíveis são os bens que a organização possui, mas que não existem fisicamente, como por exemplo as licenças, os direitos autorais, carteira de clientes, a marca da organização e outros.

 

Além da evolução diária das câmeras de monitoramento, que a cada dia que passa nos ajuda ainda mais, temos novas tecnologias em todos os setores de segurança para que a proteção de nossos bens sejam cada vez maiores.

 

Veja aqui as novas tecnologias neste setor

 

Câmera com reconhecimento facial: este equipamento possibilita o cadastro de rostos conhecidos e assim monitora possíveis ameaças, pois esse tipo de equipamento consegue reconhecer um rosto mesmo em um aglomerado de pessoas. É possível ainda criar um banco de dados de rostos já cadastrados para acompanhamento.

 

Este aparelho é simples, mas muito eficaz para a segurança em ambientes movimentados.

 

Alarme de neblina: este é muito utilizado em bancos, e é uma tecnologia simples, possuindo um sistema de detecção de movimento que libera uma fumaça densa enquanto um alarme dispara em alto e bom som. Em questões de segundos, o ambiente todo fica coberto e sem visibilidade. E há ainda hoje, alguns modelos que são interligados com centrais de polícia e acionam viaturas imediatamente.

 

Drones: Os drones já não são mais uma novidade no mercado, mas suas funcionalidades vêm se destacando cada vez mais. Entre elas, produzir imagens que ajudam na segurança patrimonial. Essas imagens são feitas pelos drones, de forma que proporcionem uma visão mais ampla do lugar, algo que as câmeras de segurança convencionais não proporcionam.

 

Além disso, muitos drones hoje em dia possuem um software de detecção térmica, que permite encontrar o suspeito mesmo estando escondido, dando mais segurança as pessoas.

 

Reconhecimento de placas: Muito utilizado em condomínios, esta tecnologia possibilita identificar e gravar as placas dos veículos que estiverem no alcance das câmeras. Em casos mais graves, é possível acessar o banco de dados da polícia para identificar se o veículo é roubado ou não.

 

Quais os recursos da Segurança Patrimonial?

 

Administrativos: os recursos administrativos contêm planejamento, procedimentos, normas, gerenciamento de riscos e outros.

Segurança Física: são as barreiras físicas, iluminação e proteção, equipe de vigilância, sistemas eletrônicos, combate a incêndio e parceria com bombeiros.

Inteligência: é a parte que identifica os suspeitos, acompanha o ato, avalia as ameaças.

 

Atualmente, as tecnologias em segurança patrimonial sofrem alterações e assim, melhorias, permitindo que cada vez mais pessoas e empresas se mantenham seguros. Algo importante é analisar o custo benefício de cada tecnologia escolhida para compor a segurança de seu patrimônio, verificando que serão viáveis para as suas necessidades.

Antes da instalação dos equipamentos é necessário um estudo de campo e riscos para determinar quais as medidas e soluções de segurança precisam ser tomadas de forma imediata.

 

Em um Shopping de São Paulo por exemplo, as câmeras Hikvision foram posicionadas em locais estratégicos, onde a primeira abordagem se dá pelos acessos externos, onde câmeras de alta resolução foram instaladas para ter maior controle da movimentação do local e seus arredores.

Em pontos que são considerados de risco pela equipe, é aconselhado utilizar câmeras fixas, e câmeras que permitem fazer a aproximação de imagens por meio do zoom ótico, trazendo mais detalhes do ambiente monitorado.

 

Por fim, podemos dizer que a segurança patrimonial protege todos os interesses da organização, se referindo a recursos financeiros, patrimônio físico e também recursos humanos.

 

Além de preservar os bens da empresa, a segurança pode vir a ser essencial para viabilizar a existência de seu negócio, e os investimentos devem ser proporcionais aos riscos que a empresa corre, mas as medidas de proteção não devem atrapalhar a rotina da empresa, proporcionando mais eficiência de todos os envolvidos.

 

Para saber mais sobre quais equipamentos de segurança eletrônica utilizar, acesse nosso blog e fique por dentro das novidades no setor da segurança de forma geral.